Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Velocidade | 02/09/2014

Voltar para o topo

Topo

GP2
Sem comentários

GP2: Gutierrez vence após exibição perfeita e Razia é terceiro

Na segunda prova da GP2 deste final de semana, tivemos Gutierrez saindo na pole, seguido de Berthon e Palmer, pela regra do grid invertido.

O mexicano foi perfeito durante toda a corrida, soube administrar a sua vantagem e foi ameaçado por Berthon em poucos momentos, que teve de se contentar com o segundo lugar.

Logo atrás veio Luiz Razia, com mais uma boa atuação e um pódio. Na largada, o baiano ganhou uma posição e depois de muito tentar ultrapassou Van der Garde pelo terceiro lugar e abriu uma boa distância para os demais. Porém, não conseguiu alcançar os dois primeiros, que já tinham grande vantagem. Com isso, o brasileiro segue na liderança do campeonato e Valsecchi, que chegou em quarto, continua na sua cola.

Destaque para a excelente prova de Felipe Nasr. Largando em último, o brasiliense realizou uma série de ultrapassagens, se aproveitou de alguns incidentes e fechou em um brilhante oitavo lugar. Já Victor Guerin teve um desempenho discreto e chegou apenas em 24ú.

Confira como foi esta prova:

A largada foi limpa e sem maiores incidentes – uma frase que é difícil de falar na categoria. Vale destacar o bom trabalho de Felipe Nasr, que saiu em 25ú e ultrapassou 5 pilotos. O mesmo podemos dizer de Johnny Cecotto, que deixou 9 concorrentes para trás.

Logo na primeira volta, Van der Garde e Razia passam Palmer e iniciam uma certa briga pelo terceiro lugar. Mais atrás, o primeiro abandono com Marcus Ericsson encostando na grama por conta de um pneu furado. Esse incidente entre ele e Onidi está sob investigação.

Van der Garde faz boas voltas com os pneus macios e conseguia deixar Razia um pouco para trás. Em compensação, na briga pela liderança, Berthon se aproximava bastante de Gutierrez, mas sem ensaiar nenhum tipo de ultrapassagem.

Mais atrás, Calado tentava chegar em Chilton de todas as formas, ensaiou uma passagem, mas acabou com a porta fechada e ficou quietinho no nono lugar. A mesma disputa acontecia pela P6 entre Coletti e Valsecchi e pela P4 entre Razia e Palmer.

Na volta 11, o primeiro acidente da prova, entre Cecotto e Onidi. O primeiro piloto tentou ultrapassagem para cima do segundo, foi fechado e ambos rodaram. Pior para Cecotto que abandonou, mas Onidi foi para o fim do pelotão, pois entrou nos pits na sequência.

A corrida passou por um certo período de tranquilidade até vermos a disputa entre Coletti e Chilton pela P8 e trazendo junto Haryanto. Porém, as posições permaneceram as mesmas. Logo depois, Leimer deu um passeio pela área de escape e, com isso, Nasr ganhou mais um posto e subiu para a P14. Logo depois, o piloto fez uma boa ultrapassagem para cima de Canamassas e passou para a P13.

Na liderança, Gutierrez apertou o ritmo, fez a melhor volta da prova e estava numa liderança confortável de quase 2s para Berthon. Van der Garde, o terceiro vinha bem mais atrás com 8.9s do segundo colocado.

Pelo oitavo lugar, novamente um pega entre Chilton e Calado, mas dessa vez trazendo Haryanto bem mais próximo deles. Mais à frente, por um terceiro lugar e pódio, Razia se aproximou perigosamente de Van der Garde e trouxe Palmer junto com ele. O brasileiro pressionou demais e conquistou o segundo lugar pouco tempo depois após uma bela ultrapassagem.

Razia abriu uma boa distância para Van der Garde, que ficou com Palmer e Valsecchi na sua cola. Essa disputa foi muito boa, com os três pilotos fazendo pressão um sobre outro. Até que Valsecchi conseguiu um espaço e deixou Palmer para trás pela P5. Na sequência, ele já foi para cima de Van der Garde e também o passou. Palmer aproveitou e foi junto, deixando Van der Garde com o oitavo lugar.

No pelotão intermediário, Nasr subiu mais um lugar após passar Leal pela P12 e pouco tempo depois conquistar o 11ú lugar deixando Trummer para trás.

Depois de muito tentar, Calado conseguiu passar Chilton e já foi para cima de Van der Garde, que com uma clara queda de rendimento levou ultrapassagens de Coletti, Calado, Nasr e Haryanto, despecando para o décimo lugar.

Na última volta, uma briga tripla pelo sétimo lugar entre Coletti, Nasr e Haryanto. Os três quase ficaram lado a lado em uma das curvas e alternaram bastante as posições, porém elas se manteram as mesmas.

Na frente e com muita traquilidade Gutierrez conquistava a vitória seguido de Berthon e Razia. E após a passagem dos líderes ainda vimos um acidente, que deixou Trummer no muro e abandonando no último instante!

Classificação final:

  • Share on Tumblr