Velocidade | April 24, 2014

Voltar para o topo

Topo

F1
Sem comentários

F1: Hamilton sobra e é pole na Hungria

Bárbara Franzin

A classificação para o GP da Hungria de F1 foi sem muitas surpresas ou incidentes. Hamilton dominou as três partes do treino e sai na pole amanhã. Vale mencionar que esta foi a primeira vez no ano que vimos os dois brasileiros juntos no Q3. Massa ficou com o sétimo lugar e Senna com o nono.

Confira tudo que rolou:

A primeira parte do treino de classificação foi muito tranquila. Lewis Hamilton ditou o melhor tempo baixando constantemente suas marcas, que ao final ficaram em 1:21.794. Ele foi seguido pela Force India de Paul Di Resta e seu companheiro de equipe Jenson Button.

A grande surpresa não ficou entre os eliminados nessa fase – que foram os pilotos “de sempre”, mas sim o desempenho da Red Bull, bem abaixo do que estamos acostumados a ver. Webber e Vettel ficaram no limite da classificação para o Q2 com o 16ú e 17ú lugares, respectivamente. Economia de pneus, talvez?

Vamos para o Q2, que teve resultados, no mínimo, diferentes. Na frente, Hamilton continuou a dominar, mas dessa vez teve a companhia de Vettel, que após ficar um tempo lá atrás, conseguiu fazer uma boa volta – mesmo assim quase 4 décimos mais lenta que a McLaren.

Maldonado conseguiu um excelente terceiro lugar, seguido de Massa, Raikkonen e Alonso. A briga pela última vaga para o Q3 estava tão emocionante, que Bruno Senna eliminou Mark Webber no último momento. Resta para o australiano a frustração de largar em 11ú.

Aliás, falando em frustração, no Q2 caíram as duas Sauber, as duas Mercedes e também a Force India de Di Resta.

Momento final de treino classificatório e os pilotos pareciam um tanto quanto tímidos de saírem dos seus boxes. Tanto que a maioria das posições acabou decidida após a bandeira quadriculada aparecer. Mas, não deu para ninguém tirar a pole de Hamilton com o tempo final de 1:20.953.

Vale mencionar o bom segundo lugar de Grosjean, que jogou Vettel para o terceiro no último momento. Button sai em quarto, dando sinais de que tem se encontrado mais com o carro. Raikkonen, boa aposta para a pole, foi o quinto e logo atrás dele vem a dupla da Ferrari com Alonso e Massa. Quase deu para o brasileiro ficar à frente do companheiro, mas não foi dessa vez.

O mesmo aconteceu com a Williams, onde Maldonado sai no oitavo lugar e Senna, pela primeira vez no ano no Q3, com o nono. Hulkenberg fecha os dez primeiros.

Confira o grid completo abaixo:

  • Share on Tumblr