Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Velocidade | 24/10/2014

Scroll to top

Top

No Comments

F.Renault 2.0: Stoffel Vandoorne varre Nürburgring

Está pintando mais um bom nome para ficarmos de olho nas categorias de base europeias. O belga Stoffel Vandoorne venceu com facilidade as duas provas de Nürburgring, depois de sair da pole em ambas. Com isto, ele pulou para a ponta do campeonato, 13 pontos a mais que o russo Daniil Kvyat, que havia dominado as primeiras etapas.

Prova 1

Na largada, Stoffel Vandoorne manteve a ponta seguindo de Norman Nato e Paul-Loup Chatin. O brasileiro Guilherme Silva, que largou entre os líderes, completou a primeira volta na quinta colocação, a frente do líder do campeonato, Daniil Kvyat. Na terceira volta, Alexander Albon, que largou em décimo e estava em 11ú, rodou na pista e caiu para o fim do pelotão.

A prova permaneceu por um bom tempo sem mudanças e no na voltas finais, o até então líder do campeonato, Kvyat, começou a pressionar Guilherme pelo quinto posto. O brasileiro conseguiu segurar bem, mas depois de duas voltas, foi impossível e permanecer na frente e ele foi superado. O colombiano Oscar Tunjo tentou ir junto, mas Silva manteve o posto. No entanto, na última curva, o colombiano “atropelou” o carro do brasileiro, que rodou e perdeu várias posições. Tunjo foi punido pela direção de prova.

Lá na frente, sem nenhuma dificuldades, Vandoorne venceu seguido de Nato e Chatin. O brasileiro Felipe Fraga, que fez a estreia na categoria, terminou numa bela décima colocação, Guilherme Silva, com o acidente, caiu para 15ú e Gabriel Casagrande, que também correu pela primeira vez na F. Renault 2.0, foi o 29ú colocado.

Prova 2

Na largada, Kvyat assumiu a liderança seguido de Oliver Rowland e Mikko Pakari e o pole Vandoorne caiu para a quarta colocação. O brasileiro Guilherme Silva, que largou em nono, não saiu bem e caiu para 15ú. Nick de Vries escapou na primeira volta, parou na brita e abandonou a prova. Na volta seguinte, foi a vez de Rowland, que estava em segundo, ficar parado na pista com problemas, e Albon, que vinha atrás, acabou se chocando-se com ele e levou junto Meindert Van Buuren. O safety -car foi para a pista.

Norman Nato, com problemas no carro, foi para os pits e abandonou. Alex Riberas foi outro que não teve um bom início e prematuramente saiu da corrida. Lá na frente, tudo mudou, e Pakari assumiu a liderança e Kvyat, que teve problema na disputa com Rowland, caiu para sétima colocação. Depois de aproximadamente sete minutos, o safety car deixou a pista e a prova recomeçou com Pakari mantendo a ponta. No entanto, no decorrer da volta, Vandoorne conseguiu a ultrapassagem e pulou para ponta da tabela.

Com tantos acidentes e abandonos, o brasileiro Felipe Fraga, que largou em 26, já estava em 13 quando faltavam 8 voltas para o fim. E ele continuou a progressão e duas voltas depois, era o oitavo. Quem apareceu muito bem na parte final foi Melville Mckee, que foi ultrapassando os rivais até chegar na segunda colocação. Vandoorne confirmou a vitória, Fraga foi o oitavo, Silva o décimo e Casagrande o 15ú.

A F. Renault 2.0 volta as pistas nos dias 14 e 15 de julho, nas ruas de Moscou. Confira abaixo a classificação do campeonato:

1 BEL Stoffel VANDOORNE 110
2 RUS Daniil KVYAT 97
3 FRA Norman NATO 70
4 FRA Paul-Loup CHATIN 56
5 FRA Pierre GASLY 36
6 NED Nyck de VRIES 30
7 GBR Oliver ROWLAND 28
8 GBR Melville MCKEE 20
9 GBR Jake DENNIS 19
10 ESP Alex RIBERAS 19
11 COL Oscar TUNJO 18
12 FIN Miki WECKSTROM 18
13 ESP Javier TARANCON 16
14 GBR Jordan KING 16
15 FRA Esteban OCON 10
16 NZL Nick CASSIDY 8
17 NED Steijn SCHOTHORST 8
18 BRA Guilherme SILVA 7
19 GBR Josh HILL 6
20 BRA Felipe FRAGA 5
21 ITA Ignazio D’AGOSTO 4
22 GER Stefan WACKERBAUER 2
23 FRA Andrea PIZZITOLA 2
24 SUI Christof VON GRUNIGEN 1
  • Share on Tumblr