Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

Velocidade | 01/09/2014

Voltar para o topo

Topo

Sem comentários

DTM: Jamie Green vence com uma ultrapassagem na última curva

A etapa de Norisring do DTM foi marcada pela chuva, acidentes, ultrapassagens e um final surpreendente. O inglês Jamie Green, da Mercedes, que até três minutos para o fim da corrida estava na terceira colocação, conseguiu em duas voltas superar o canadense Bruno Spengler e o alemão Martin Tomczyk para vencer a etapa. No entanto, o grande nome da prova foi Gary Paffett, que após cair para últimas posições no início, fez uma bela corrida de recuperação e terminou em quarto.

Gary Paffett conseguiu manter a ponta na largada, mas na primeira curva, ele rodou e causo um congestionamento dos pilotos que vinham atrás, dentre eles, Augusto Farfus. Ralf Schumacher assumiu então a liderança da corrida. Mattias Ekström acabou abandonando devido a danos no carro. A corrida recomeçou na terceira volta e Schumacher manteve a ponta com Martin Tomczyk em segundo.

Tentando fazer uma corrida de recuperação, Paffett superou Timo Scheider na volta 15 pela 14ê colocação. No mesmo giro, Augusto Farfus abandonou com problemas no carro. Na briga pela primeira posição, Tomczyk acabou superando Schumacher e pulou para frente. O ex-F1 perdeu também a posição para Bruno Spengler e Jamie Green e caiu para quarta colocação.

Na volta 30, Paffett já estava na décima colocação. Dos ponteiros, Christian Vietoris, que estava em quinto, foi o primeira a parar depois da abertura na janela de pits. Na volta 46, Ralf Schumacher que estava andando na frente, também abandonou a prova. Gary Paffett, que retardou ao máximo a parada, entrou pela primeira vez nos pits na volta 57. Na 61, no limite da janela de paradas, ele parou novamente e cumpriu a obrigatoriedade de duas paradas. A estratégia deu certo, pois ele voltou na quarta colocação.

Devido a chuva, a prova foi para o tempo e não pelo total de voltas. Já nos últimos minutos, Jamie Green deu o bote para cima de Bruno Spengler e assumiu a segunda colocação da corrida. E incrivelmente, na última curva, ele passou Martin Tomczyk para vencer a corrida e dar a Mercedes a primeira colocação. Tomczyk e Spengler completaram o pódio da prova.

Confira abaixo o resultado final da corrida:

  • Share on Tumblr